Compartilhe:

Vídeo: Vereador rompe músculo ao tentar levantar carro de 800 kg

RondoniaInfo Vídeo: Vereador rompe músculo ao tentar levantar carro de 800 kg

Marcos Mohai rompeu um músculo ao tentar tombar um carro de 800 kg e precisou passar pelo procedimento para tentar se recuperar.

Marcos Mohai, hexacampeão brasileiro de Strongman e vereador na cidade de Peruíbe (SP), no litoral paulista, está passando por um complexo processo de recuperação após ter enfrentado uma delicada cirurgia. Ele rompeu um músculo ao tentar tombar um carro de 800 kg e precisou passar pelo procedimento. Com fortes dores e impossibilitado de realizar os treinos, ele diz que está passando por um momento de reflexão sobre sua vida dedicada ao esporte.

Vídeo:

Mohai foi submetido a cirurgia no Hospital São Lucas, em Santos, no dia 22 de setembro. Ele teve que fazer o procedimento na perna direita após sofrer um grave acidente no dia 17. Quando tentava fazer o tombamento do carro, o joelho direito dele dobrou e ele foi ao chão.

A cirurgia foi um sucesso, segundo os médicos. Mas, apesar disso, o atleta não esperava que o pós-operatório fosse tão sofrido.

“Estou ainda deitado, me recuperando, os pontos já se fecharam, sem inflamação. A luxação e as dores diminuíram. O pós-operatório é horrível. Nem com morfina estava passando a dor”, conta ele.

Mohai está com uma tala que o impede de andar e caminhar pela casa. Ele diz que encontra dificuldades de tomar banho, ir ao banheiro e até se sentir bem na cama.

“A pior dificuldade, além da mobilidade, é de não poder nem ir e nem vir. Por eu ser um atleta de atividade constante, que treina todos os dias, o corpo está estranhando. Estou passando por momentos difíceis", diz.

Segundo Mohai, por conta da sua estrutura física, ele desenvolveu uma dificuldade de respirar no período pós-operatório. Por isso, além de tomar os remédios para cicatrização e para as dores na perna direita, também está fazendo fisioterapia pulmonar para respirar melhor. “Não posso ficar em pé e não posso ficar muito deitado. Tenho que revezar entre ficar sentado e deitado. Quando eu fico deitado não consigo dormir e sinto a necessidade de treinar”, fala.

Mohai está gravando vídeos diários contando como está sendo a recuperação e as dificuldades que vem enfrentando. A intenção dele é fazer um compilado de todo o processo, desde a cirurgia até sua reabilitação total e, após isso, servir de exemplo para outros atletas ou familiares de pacientes acamados, mostrando como se sair melhor durante o pós-operatório.

Ele diz que, sem a família, ficaria difícil passar por esse momento tão delicado. Os dias de repouso tem sido, acima de tudo, de muita reflexão sobre a vida dele e sua dedicação ao esporte. “Um momento de reflexão, de pensar em muitas coisas. Se vale a pena tudo que eu fiz, se vale a pena eu continuar. A gente passa por situações complicadas. Momentos de solidão e dor, que só você que sente. É uma questão de avaliação. O quanto você se dedica ao esporte, o quanto o esporte retorna para você. Está sendo bom para repensar muita coisa”, finaliza.

Fonte: G1